Meu filho, minha prece...

quinta-feira, 2 de junho de 2011


Meu filho completou 18 anos na semana passada. Nossa, como as crianças crescem rápido! Olho para trás e sinto que tudo passou num piscar de olhos. Vejo as fotos dele pequenininho e me pergunto onde foi parar o meu bebê lindo e bochechudo??!! Tudo está tão diferente daquela época. Os cuidados são outros e as preocupações também, e como! Hoje ele me carrega no colo, tem barbas na cara e chama " ô mãe!" com voz grossa. Ele não precisa tanto de mim como antes, mas adoro quando vem pedir opinião sobre um assunto ou outro.

Quando pequeno, adorava "bater papinho" sobre histórias infantis e sobre coisas da vida, que naquela época giravam em torno do porque o sol se põe e para onde as formigas vão todas em filinha. Hoje nossos assuntos são mais sérios: relacionamentos, amigos, escolha profissional e até temas mais filosóficos, como quem somos e para onde vamos. Gosto muito de ter esses momentos com ele e o mais importante: não só ensino coisas, mas aprendo muito. Como é bom ver o mundo por seus olhos sonhadores e descomplicados. Como é bom sentir aquela energia da juventude, pronta para explodir mesmo que nem sempre seja para o lado mais apropriado. Fico muito feliz em ter um relacionamento tão bom assim com meu filho. Mesmo as nossas discórdias são muito saudáveis. A experiência desse amor infinito e sem medidas calculáveis me tornou uma pessoa muito melhor. Rezo todos os dias para que ele sempre siga pelo caminho do bem e que seja muito feliz!

Ontem mesmo ele me chamou aos berros para eu ver uma coisa que ele tinha achado na net: - "Vem logo mãe, tenho certeza que você vai gostar!!! Vai querer até por no blog!!!!" . Larguei meu tricô, deixei a novela pra lá e fui ver o que era tão importante assim...




Deixei-me deslubrar pela sensibilidade desse grupo de jovens. E pela percepção de meu filho em valorizar isso. Meu coração termina o dia em "Oração", sabendo que a verdadeira sabedoria está em reconhecer a beleza das coisas simples da vida. Como esse momento com meu filho.

Lucas, obrigado por ser meu filho. Te amo!



.
.
.
.
P.S.: Quer saber quem são os meninos do vídeo? Clique aqui.


7 comentários:

Isadora disse...

Parabéns para o filhote Marcia!
Puxa, o meu tem só 9 anos e eu já me sinto assim como vc, imagine quando ele tiver 18!!!!
Que seu menino tenha sempre muita saúde e alegrias para celebrar!
Beijo grande

Claudia Pech disse...

lindo texto parabéns pelo filho e para o filho
sou mãe de dois pequenos ainda mas que parecem que foi ontem que eram bêbes!!!!

Deus abençoe vcs sempre!!
Bjos

claudia pech

Catarina disse...

Que engraçado o seu filho é da minha idade... eu vou fazer 18 dia 14.
A minha mãe também me fala de quando era pequenininha e agora estou tão crescida.
Muitos parabéns, o texto também está lindo.
Beijos,
Catarina

Camila disse...

Oi Márcia!!
Que lindo filhão!!( parece irmão).
É tão bom ver nos dias de hoje um relacionamento entre mãe e filho assim.
Parabéns à vc , pois se ele é assim é graças a boa educação que ele teve.
Vc deve mesmo se orgulhar.
Beijos,
Camila.

Tricô meu Tricô disse...

Márcia,

Com todo respeito, que filhão, heim!!!

Parabéns, muito lindo e realmente, parecem irmãos!!!

Que Deus continue sempre abençoando esse relacionamento afetuoso!!

O texto... emocionante, sem palavras!!

Ah, eu e minha Letícia (01 ano e 11 meses) curtimos o vídeo, precisa ver ela sentada no meu colo com os bracinhos pra cima prá lá e pra cá!!

Precisa dizer mais... adoramos!!!

Um grande beijo!!!

Maria Amélia disse...

Seu filho é lindo. Aposto que ninguém acredita qd vc diz que é mãe dele. Parece no máximo a irmã velha. Sério. Qt ao vídeo dos cachecóis, adorei seu comentário, vc disse tudo, ela é a ninja dos lenços mesmo. kkkk. Super legal as caras e bocas. Divulga no seu blog também. TEm tudo a ver com seus lindos cachecois. bjs.

Teresa Agrello disse...

Que linda postagem! Sem contar que vocês parecem irmãos.
bjins

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

  © Blender DMP

Retornar ao TOPO